Destinação de Resíduos Correta: Coprocessamento ou Incineração

Destinação Correta de Resíduos: Coprocessamento ou Incineração

A gestão eficaz dos resíduos sólidos é um dos grandes diferenciais estratégicos das organizações modernas. A crescente conscientização da sociedade moderna com relação às questões ambientais e climáticas, além do desenvolvimento de legislações específicas, incentivou indústrias que já possuíam políticas ‘verdes’ a aperfeiçoá-las. E obrigou companhias que eram, “negligentes” quanto à preservação do meio ambiente a entrarem nos trilhos da sustentabilidade, sob pena de multas,  judicializações e o desgaste de suas marcas e imagens.

Hoje, os cerca de 7,8 bilhões de habitantes do globo e o setor industrial são os maiores geradores de resíduos do planeta. De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), a população mundial gera anualmente mais de 2 bilhões de toneladas de lixo.

Já o Brasil, segundo a mais recente edição do Panorama dos Resíduos Sólidos, estudo que é produzido pela Associação Brasileira das Empresas de Limpeza Pública (Abrelpe), gerou 79 milhões de toneladas de resíduos sólidos no ano de 2018, sendo que 59,5% do montante coletado recebeu destinação adequada em aterros sanitários.

Responsabilidade das Empresas

Para as empresas brasileiras geradoras de resíduos, a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS)Lei Nº 12.305, de 2 de agosto de 2010 – preconiza o manejo final deles por meio de dois métodos ambientalmente adequados: destinação de resíduos.

As definições da PNRS para as duas modalidades são as seguintes:

  • destinação final ambientalmente adequada – a reutilização, a reciclagem, a compostagem, a recuperação e o aproveitamento energético ou outras destinações admitidas pelos órgãos competentes do Sistema Nacional do Meio Ambiente (Sisnama), do Sistema Nacional de Vigilância Sanitária (SNVS) e do Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária (Suasa), entre elas a disposição final, observando normas operacionais específicas de modo a evitar danos ou riscos à saúde pública e à segurança e a minimizar os impactos ambientais adversos
  • disposição final ambientalmente adequada: distribuição ordenada de rejeitos em aterros, observando normas operacionais específicas de modo a evitar danos ou riscos à saúde pública e à segurança e a minimizar os impactos ambientais adversos

Com essas obrigações legais, aquelas companhias que não cuidam do destino/disposição final de seus resíduos estão sujeitas a uma série de problemas. Complicações que começam com o estrago ambiental propriamente dito e podem evoluir para pesadas multas, exposição negativa na mídia, restrições comerciais e o cancelamento de negócios pela falta de uma ‘ficha limpa’.

Qualidade em Engenharia Ambiental

A Nova Ambiental – empresa especializada no desenvolvimento e execução de soluções sustentáveis na área de engenharia ambiental – presta, desde 2002, serviços de transporte, armazenamento temporário e destinação de resíduos ambientalmente adequada para parceiros de vários segmentos de negócios.

Tecnologia, segurança, ‘know how’, profissionalismo, qualidade, cumprimento de prazos e conformidade total com legislações/normas técnicas são as virtudes que transformaram a Nova Ambiental numa organização referência no mercado de terceirização do gerenciamento de resíduos.

Inúmeras empresas que já mantêm uma relação amigável com o meio ambiente – que já implantaram o Sistema de Gestão Ambiental (SGA) e possuem o certificado ISO 14.001 – delegam tarefas como, por exemplo, o coprocessamento e a incineração de resíduos à Nova Ambiental.

Sala de Controle do Processamento de Resíduos

Sala de Controle do Processamento de Resíduos

Vantagens do Coprocessamento de Resíduos

Uma das modalidades de destinação de resíduos ambientalmente adequada é o coprocessamento. Neste processo, os resíduos industriais (como solventes, graxas, pneus, catalisadores e borras) são selecionados, descaracterizados e misturados para formar um “blend” – mistura de grande poder calorífico que, posteriormente, será reaproveitada para alimentar fornos para a produção de cimento.

OBS: Em conformidade com a resolução SIMA No. 145, de 22/12/21, o Lodo Industrial de Estações de Tratamento de Efluentes Industriais poderá ser adequado para destinação final através do processo de Incineração

Com a reutilização de resíduos, o método de coprocessamento é uma alternativa que gera vários benefícios ambientais, sociais e corporativos. Entre eles podemos listar: a preservação de recursos naturais/energéticos; a redução da emissão de CO2 na atmosfera; a diminuição do volume de material descartado em aterros sanitários; o transtorno de armazenar resíduos na fábrica; e a completa destruição térmica do blend (resíduos), entre outros.

A Incineração em Câmaras

O outro processo de destinação final é a incineração de resíduos, que nada mais é do que a queima de determinados resíduos em câmaras, a partir de temperaturas acima de 800 graus. Esse processo de tratamento térmico é normatizado pelas resoluções N° 316 (de 2002) e N° 386 (de 2006), ambas do Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA).

Entre os resíduos que podem ser incinerados estão: rejeitos industriais; lodo industrial; resíduos industrias não perigosos (Classe II); Resíduos de Serviços de Saúde (RSS); solos contaminados, defensivos agrícolas; resíduos líquidos (Classe I e Classe II); óleo ascarel; produtos controlados pela Polícia Civil, Polícia Federal e Exército Brasileiro; reagentes químicos e outros.

Uma primeira câmara incineradora transforma resíduos em cinzas (diminuindo cerca de 90% do volume). Depois, numa segunda câmara acontece a pós-combustão e o tratamento dos gases, antes de sua emissão à atmosfera por meio de chaminé.

A Nova Ambiental executa esses dois processos técnicos – incineração e coprocessamento – com extrema segurança, qualidade e conformidade com as legislações ambientais brasileiras.

Otimize a gestão de resíduos de sua empresa, ajude na preservação do ecossistema e de seus recursos, proteja a sua marca, reforce suas práticas de sustentabilidade junto à comunidade e fique blindado em relação a eventuais sanções ambientais. Conte com soluções tecnológicas da Nova Ambiental para tudo isso. Consulte-nos!

síntese
Destinação de Resíduos Correta: Coprocessamento ou Incineração
Nome do Artigo
Destinação de Resíduos Correta: Coprocessamento ou Incineração
Descrição
A Nova Ambiental é uma empresa para destinação de resíduos industriais para dois processos técnicos do tratamento de resíduos – incineração e coprocessamento - com extrema segurança, qualidade e conformidade com as legislações ambientais brasileiras.
Autor
Empresa
Sistema Nova Ambiental
Marca

Com extremo zêlo, profissionalismo, seriedade e competência, a Nova Ambiental conta com soluções sustentáveis.

Coprocessamento de Resíduos industriais é a etapa em que o resíduo é totalmente descaracterizado e misturado junto a outros resíduos com alto poder calorífero (blend)

Coprocessamento de Resíduos

Etapa em que o resíduo é totalmente descaracterizado e misturado junto a outros resíduos com alto poder calorífero (blend)

Resíduos de Serviços de Saúde (RSS). Realizamos a correta classificação dos resíduos de serviços de saúde RSS, possibilitando a correta manipulação.

Resíduos de Serviços de Saúde (RSS)

Realizamos a correta classificação dos resíduos de serviços de saúde RSS, possibilitando a correta manipulação.

Descaracterização de Resíduos. Realizamos a descaracterização de resíduos anulando os riscos de reutilização de qualquer produto e embalagens.

Descaracterização de Resíduos

Realizamos a descaracterização de resíduos anulando os riscos de reutilização de qualquer produto e embalagens.

Transporte de Resíduos Perigosos com veículos próprios assegurados, rastreados e operando dentro das normas legais ambientais e de trânsito para execução dos serviço de Tratamento de Resíduos

Transporte de Resíduos Perigosos

Veículos próprios assegurados, rastreados e operando dentro das normas legais ambientais e de trânsito para execução dos serviço de Tratamento de Resíduos

Logística Reversa Para Aerossol</a></h2> <p>Descaracterização de embalagens, manufatura reversa.  Infraestrutura moderna e tecnologia para o tratamento e destinação final de embalagens pós-consumo de aerossóis.

Logística Reversa Para Aerossol

Descaracterização de embalagens, manufatura reversa. Infraestrutura e tecnologia para tratamento e destinação final de embalagens pós-consumo de aerossóis.

Incineração de Resíduos. Possuímos um perfeito processo de tratamento de resíduos que envolve a combustão de substâncias orgânicas.

Incineração de Resíduos

Possuímos um perfeito processo de tratamento de resíduos que envolve a combustão de substâncias orgânicas.

Remediação Ambiental, Remoção de Solo Contaminado e Tratamento

Remediação Ambiental e Solo Contaminado

Remediação Para Áreas Contaminadas. Realizamos um minucioso diagnóstico da contaminação. Multitecnologia para no tratamento de solo contaminado.

Contamos com licença da CETESB para Armazenamento Temporário de Resíduos Perigosos e não perigosos

Armazenamento Temporário

Contamos 10.000m² licenciada pela CETESB para Armazenamento Temporário de Resíduos Perigosos e não perigosos

Manufatura Reversa de Eletrônicos Reutilização e o reprocessamento de equipamentos elétricos e eletrônicos descartados ou considerados obsoletos

Manufatura Reversa de Eletrônicos

Reutilização e o reprocessamento de equipamentos elétricos e eletrônicos descartados ou considerados obsoletos

Retorno Fiscal e Dedutibilidade Fiscal  de Produtos Inservíveis e serviços integrados de destinação final de produtos e/ou materiais inservíveis e assessoria fiscal, tributária e ambiental.

Retorno Fiscal de Produtos Inservíveis

Dedutibilidade Fiscal e serviços integrados de destinação final de produtos e/ou materiais inservíveis e assessoria fiscal, tributária e ambiental.

Despressurização de Aerossóis

Despressurização de Aerossóis. Nosso equipamento pode tratar latas de aerossóis e gás refrigerante. Neste processo os líquidos e os gases são totalmente capturados, os gases que possuem um alto poder de queima e são utilizados como fonte de energia para o nosso incinerador, já os líquidos são direcionados para os tratamentos disponíveis e adequados na Nova Ambiental.