A terceirização dos serviços de gerenciamento de resíduos industriais – coleta, transporte e a execução de tratamentos adequados de destinação ou disposição – é uma tendência no mundo corporativo. Cada vez mais as empresas geradoras de resíduos optam por essa modalidade que contempla uma série de benefícios administrativos, operacionais e ambientais.

Mas além da escolha criteriosa da empresa parceira, que precisa garantir serviços seguros e de qualidade, cumprir prazos e seguir à risca normas técnicas e leis ambientais, também é importante ficar atento quanto aos documentos que são compulsórios em operações envolvendo o transporte e o tratamento de resíduos.

Um desses documentos é o Certificado de Destinação Final de Resíduos (CDF). Fundamental e obrigatório, ele é emitido na última etapa do ciclo dos resíduos industriais, pela empresa contratada para dar a destinação ou disposição correta dos materiais descartados durante o processo fabril.

A seguir, conheça mais detalhes sobre o CDF, esse documento que é indispensável para as companhias geradoras de resíduos, para o bom funcionamento da cadeia produtiva e para a saúde do meio ambiente.

 

O que é o Certificado de Destinação Final de Resíduos (CDF)?

A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), estabelecida pela Lei Nº 12.305/2010, determina que as empresas brasileiras têm que monitorar a geração, o percurso e a destinação/disposição adequada dos resíduos e rejeitos provenientes de suas unidades produtivas.

O CDF é uma dessas obrigações legais atribuídas às empresas que atuam na cadeia da gestão dos resíduos. Basicamente, este certificado é uma prestação de contas ambientais por parte das companhias geradoras e destinadoras de resíduos.

Sua emissão é de exclusiva responsabilidade da empresa destinadora, ou seja, da parceira comercial que executa os serviços especializados de tratamento de resíduos como, por exemplo, coprocessamento (blendagem), incineração, remoção e tratamento de solo para remediação de áreas contaminadas, gestão de resíduos de serviços de saúde (RSS), disposição em aterro sanitário e outras intervenções na área ambiental.

 

Por Que o CDF é Importante?

O Certificado de Destinação Final de Resíduos é uma ferramenta administrativa fundamental para as empresas que desenvolvem atividades relacionadas à gestão de material residual industrial. O documento comprova o emprego de métodos/processos adequados e autorizados por lei quanto à destinação final dos materiais.

Em posse do CDF, a empresa geradora de determinado resíduo atesta que o mesmo foi submetido a um tratamento adequado pela parceira terceirizada (a destinadora), mediante o cumprimento de diretrizes ambientais – especialmente aquelas estabelecidas pela Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS). Portanto, trata-se de um imprescindível documento do ponto de vista legal.

E sob a perspectiva institucional, o CDF se apresenta como um valioso e estratégico trunfo, pois certifica e propaga uma rotina sustentável da organização junto a clientes, fornecedores e consumidores. Em outras palavras, potencializa a imagem de “empresa verde” – preocupada com a conservação de ecossistemas, de mananciais, da fauna e da flora – e engajada com as questões de responsabilidade social.

 

Plataforma para a Emissão do CDF

Para emitir o Certificado de Destinação Final de Resíduos (CDF),  A Sistema Nova Ambiental utiliza seu próprio sistema automatizado – SGDI, a plataforma multifuncional compila os dados constantes na MTR manual e/ou Sistema MTR online (criada recentemente pelo governo federal), mantendo assim a completa rastreabilidade desde a geração, o armazenamento temporário, o transporte e a destinação dos resíduos sólidos recebidos.

Vale salientar que, a partir do dia 1º de janeiro de 2021, todas as empresas geradoras, transportadoras, armazenadoras temporárias e destinadoras de resíduos deverão estar cadastradas no Sistema MTR online para a obtenção do CDF e de outros documentos tão relevantes quanto ele, como o Manifesto de Transporte de Resíduos (MTR) e a Declaração de Movimentação de Resíduos (DMR).

O MTR é um documento autodeclaratório, solicitado exclusivamente pela empresa geradora do resíduo e compulsório para o transporte de resíduos em todo o território brasileiro. Já a DMR aponta e quantifica os volumes de resíduos gerados, transportados e destinados/dispostos no período de um semestre.

 

Declaração Anual de Resíduos Sólidos (Cetesb)

O CDF também é uma importante base de dados para a elaboração da Declaração Anual de Resíduos Sólidos (DARS) – que anualmente deve ser preparada e entregue à Cetesb por todos os geradores, transportadores e unidades receptoras de resíduos até o dia 31 de janeiro de cada ano. Tal declaração descreve, lista, qualifica e quantifica a movimentação de resíduos no ano anterior.

        

Inventário Nacional de Resíduos Sólidos 

As informações contidas no CDF ainda são subsídios para a confecção do Inventário Nacional de Resíduos Sólidos, a radiografia sobre a geração de resíduos no Brasil – que sazonalmente é divulgada para a sociedade civil – que foi instituída pela Resolução nº 313 no Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA).

Este inventário traz informações sobre a geração, características, formas de armazenamento, transporte, tratamento, reutilização, reciclagem, recuperação e disposição final dos resíduos sólidos gerados pelas indústrias e fábricas instaladas no país.

 

As Informações Contidas no CDF

O Certificado de Destinação Final de Resíduos (CDF) compila vários dados e informações referentes às características, quantidades, empresas envolvidas na geração, no traslado e no tratamento dos resíduos industriais.

Entre outras informações, o CDF contém:

  • Identificação da empresa geradora e da destinadora (CNPJ, endereço, telefone e outras informações)
  • Número da licença ambiental da empresa destinadora
  • Caracterização do resíduo (tipo, quantidade e data do recebimento)
  • Modalidade de destinação (coprocessamento, incineração, reciclagem, descaracterização e outros métodos)
  • Data e assinatura do profissional responsável (da destinadora)

 

Parceira Terceirizada Credenciada

Especializada na oferta de diversos serviços de tratamento de resíduos, a Nova Ambiental se consolidou como uma organização parceira e apoiadora de bem-sucedidos processos de gestão de sobras e rejeitos fabris implantados em empresas de vários segmentos de mercado.

A Nova Ambiental é uma empresa licenciada para a execução de métodos de gestão de resíduos como Blendagem para Coprocessamento de resíduos industriais, incineração, tratamento de RSS, remoção e tratamento de solo para remediação de áreas contaminadas, descaracterização de produtos e embalagens (proteção de marca), armazenamento de resíduos perigosos e manufatura reversa de eletroeletrônicos.

Esses procedimentos otimizam a gestão dos resíduos industriais e promovem benefícios como agilidade, ganho de espaço na fábrica, economia de recursos com infraestrutura específica para o tratamento e a garantia da execução de um serviço de qualidade e com total segurança jurídica.

Todas essas soluções são realizadas em conformidade com leis, normas técnicas e de acordo com rígidos padrões de segurança e de qualidade. E ao final do processo, a Nova Ambiental emite o Certificado de Destinação Final de Resíduos.

síntese
Certificado de Destinação Final (CDF), Documento-Chave na Gestão dos Resíduos
Nome do Artigo
Certificado de Destinação Final (CDF), Documento-Chave na Gestão dos Resíduos
Descrição
A Nova Ambiental é uma empresa licenciada para a emissão do Certificado de Destinação Final de Resíduos (CDF) após a execução de métodos de gestão de resíduos como Blendagem para Coprocessamento de resíduos industriais, incineração, tratamento de RSS, remoção e tratamento de solo para remediação de áreas contaminadas, descaracterização de produtos e embalagens (proteção de marca), armazenamento de resíduos perigosos e manufatura reversa de eletroeletrônicos. 
Autor
Empresa
Sistema Nova Ambiental
Marca

Mais Serviços

Coprocessamento de Resíduos

Etapa em que o resíduo é totalmente descaracterizado e misturado junto a outros resíduos com alto poder calorífero (blend)

Incineração de Resíduos

Possuímos um perfeito processo de tratamento de resíduos que envolve a combustão de substâncias orgânicas.

Armazenamento Temporário

Contamos 10.000m² licenciada pela CETESB para Armazenamento Temporário de Resíduos Perigosos e não perigosos
http://unnamed.png data-lazy-srcset=

Validar Certificado

Para validar a autenticidade de um certificado emitido pela Nova Ambiental, preencha o campo abaixo corretamente: